Para compartilhar idéias!



segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Paridade entre mulheres e homens nos cargos públicos e eletivos

A I Conferência Regional de Políticas para Mulheres ao debater a participação das mulheres nos espaços de poder, aprovou a proposta de paridade nos cargos públicos e nos cargos eletivos. Isso significa que para cada homem eleito corresponde uma mulher eleita. As mulheres firmam o propósito de querer igualdade na chegada e não apenas os 30% na saída, ou seja, saímos em cotas de 30%, mas na entrada não conseguimos ser eleitas mesmo sendo as mulheres mais votadas. A paridade em lista fechada, portanto, garante a igualdade, também, das mulheres. Além disso, são garantidas as presenças das mulheres negras e indígenas presentes na I Conferência Regional.
No final, foram eleitas as delegadas da sociedade civil e governamentais para a Conferência Estadual de Mulheres, a ser realizada nos dias 11 e 12 de novembro em Curitiba. De lá, serão eleitas as delegadas para a III Conferência Nacional de Políticas para Mulheres a ser realizada em dezembro, em Brasília.
Como disse a Ministra Iriny Lopes sobre a Conferência Nacional, “é a primeira conferência, no primeiro ano de governo da primeira mulher presidenta da República”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário